top of page
banner avimig interno.jpg

NOTÍCIAS

Bons números da avicultura com altas de produção e exportação em 2023



A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) prevê bons resultados para a avicultura no fechamento de 2023. Segundo dados da entidade, os setores de carne de frango e de ovos devem registrar novos aumentos na produção e nas exportações.

A produção de carne de frango deverá alcançar até 14,95 milhões de toneladas produzidas ao longo dos 12 meses de 2023, número 3% superior ao registrado no mesmo período do ano passado, com 14,52 milhões de toneladas. A disponibilidade de produtos no mercado interno deverá alcançar 9,85 milhões de toneladas, volume 1,5% superior às 9,70 milhões de toneladas registradas em 2022. Com isto, o consumo per capita de carne de frango deverá ficar em 46 quilos neste ano, dado 1,5% maior que os 45,2 quilos per capita registrados em 2022.

Pela primeira vez na história, o setor deverá superar a barreira de 5 milhões de toneladas exportadas, se confirmadas as projeções da ABPA. Neste ano, a expectativa da entidade é de embarques totais de 5,20 milhões de toneladas, volume até 8% superior aos embarques registrados em 2022, com 4,82 milhões de toneladas.

“O Brasil deverá seguir ganhando espaço no mercado internacional. Isto, em parte, graças à ampliação dos negócios com os principais parceiros comerciais e à redução dos embarques dos principais concorrentes dos exportadores brasileiros. Ao mesmo tempo, já se nota um melhor equilíbrio entre a oferta e a demanda neste segundo semestre, com custos de produção mais razoáveis após três anos de altas históricas no preço dos principais insumos”, avaliou o presidente da ABPA, Ricardo Santin.

Produção de ovos

A produção total de ovos do país deverá chegar a 52,55 bilhões de unidades em 2023, número 1% maior que as 52,06 bilhões de unidades produzidas em 2022. O consumo per capita de ovos do Brasil deverá encerrar o ano em torno de 242 unidades, número 0,5% maior que as 241 unidades per capita consumidas em 2022.

Nas exportações, as projeções indicam embarques totais de 32,5 mil toneladas de ovos do Brasil, número 240% superior ao total exportado em 2022, com 9,47 mil toneladas. “Houve uma mudança nos fluxos de exportações de ovos em 2023, com ganho significativo de relevância do Japão e do recém aberto mercado de Taiwan. Neste quadro, espera-se que as exportações de ovos alcancem o patamar de 1% do total produzido pelo Brasil. Esta é uma conquista importante para o setor, gerando novas oportunidades para os produtores”, avaliou Ricardo Santin.


Fonte: Avimig

30 visualizações0 comentário
bottom of page